PCF-3

Questões comentadas, artigos e notícias

Aviso aos Navegantes

Posted by papacharliefox3 em 06/08/2009

Salve, concurseiros! Mais um ótimo post do APF Sandro “Anjo da Noite“. (ótimo blog!)

———————————————————————————————————–

Meus amigos,

Seguidores,

Leitores eventuais e desavisados,

Estou postando este texto, de autoria de um grande colega de turma ( a gloriosa Turma Delta da ANP ), que lançou estas linhas na Comunidade da Polícia Federal no orkut, gerando uma polêmica sem fim.

Gostaria de deixar claro, que a intenção NÃO É DESESTIMULAR quem quer que seja. Muito pelo contrário. A conscientização era a palavra imaginada por Jah (é o nick do meu colega Agente de Polícia Federal, classe especial, que escreveu o texto ). Eu mesmo já escrevi sobre concurseiros entrando no DPF. Para nós, que AMAMOS a função policial e doamos nossas vidas pelo órgao, a presença desses indivíduos que visam apenas o salário e nada mais é uma verdadeira lástima.

Por outro lado, sou obrigado a reconhecer que muitos que entram apenas pensando em ganhar bem, acabam se apaixonando pela Polícia Federal, revelando-se mais tarde, verdadeiros policiais natos.

De qualquer forma, está aqui o texto.

Para muitos, um balde de água gelada.

Para outros, UM ESTÍMULO A MAIS.

Um grande abraço a todos,

Obrigado pela participação constante.

“Pensei neste título de tópico sem bolar bem o que colocar na mensagem. Mas em suma, a intenção é alertar alguns desavisados que acreditam que servidor do DPF é a melhor coisa do mundo. Não é. Não é a pior também.

Também me inspira uma conversa que tive com um colega escrivão, que completa dez anos de casa este ano. Extremamente desiludido com a Polícia Federal, especialmente com a administração, pensa em ficar mais dois anos no máximo.

Então particularmente sugiro que você não faça o concurso para a Polícia Federal SE:- você tem vocação para a carreira jurídica: se você tem curso superior de direito e estuda bem, não venha pra cá. Perda de tempo. Habilite-se e estude mais para ingressar em qualquer outra carreira do poder judiciário. A parte jurídica do DPF é por demais limitada.

– pretende ganhar bem. Um salário de 5 mil é bom demais. Mas se você tem inteligência para passar em um concurso como o do DPF e quer ganhar dinheiro, é prejuízo ficar na polícia. Faça administração, toque um negócio, escolha concursos para inúmeros cargos que paguem melhor. No DPF, às vezes você paga pra trabalhar.
– se você não suporta pressão: a pressão no ambiente profissional é algo muito absurdo, no momento atual que o DPF atravessa. Transição, atribuições confusas, hierarquia contestada, experiência desvalorizada, sem legislação específica… muita cobrança, muita peixada ativa, muita puxação de tapete… é o DPF.
– se a presença de sua família é realmente essencial: sua mulher, seu noivo, seu pai, sua mãe, seu filho, sua filha, seus avós… já vi muito sofrimento em família. Já morei com um escrivão cuja familia se revezou durante um ano enviando membros para “conhecer Belém” enquanto o meu amigo se acostumava ao corte do cordão umbilical. Já vi cara abandonar a esposa por uma aluna de academia e levar balão assim que o curso de formação acaba. Meu pai ficou chorando de saudades 3 anos até que finalmente retornei. Trabalho com um agente que viaja 9 meses por ano há cinco anos…
– candidatos a escrivão: JAMAIS faça concurso para escrivão se você não ama digitar, não curte arrumar processos, se você tem alergia a mexer com papelada, se você não suporta ordens superiores ridículas, se você arde de vontade de ir pra rua ao invés de ficar atrás de uma mesa… você será um servidor medíocre pelo resto de sua carreira.
– se você tem senso de inferioridade aguçado: grande parte da população brasileira admira a PF, mas não são todos. Numa recepção importante, o delegado é meio que o seu guarda da turma. O agente então… membros superiores de outros poderes tem essa imagem da polícia.
– se você não sabe dirigir bem. Primeiro porque você pode morrer logo em algum acidente… isso é muito comum acontecer no DPF, especialmente com servidores novatos – e especialmente no sul do país. Segundo porque, dirigindo mal, você não vai poder tomar a direção de alguém que esteja dirigindo mal.”

A discussão é sempre saudável. Estou à disposição para quando ela surgir.

Um abraço.

Sandro

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: